13/12/2019

Projeto pioneiro da Atlantic garante eficiência de parques eólicos

Parceria com UFSC e IFSC auxilia previsão de geração de energia

Quando o assunto é inovação a Atlantic Energias Renováveis está sempre um passo  à frente. A companhia entende que a climatologia pode influenciar diretamente a operação dos parques eólicos, por isso firmou uma parceria com o intuito de melhorar a previsão sazonal da geração dos seus parques eólicos.

As pesquisas, desenvolvidas em conjunto com a Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) e o Instituto Federal de Santa Catarina (IFSC), foram aplicadas em dois parques em operação:  Morrinhos, na Bahia, cujo terreno é considerado complexo, e Santa Vitória do Palmar, no Rio Grande do Sul, em terreno plano.

A união já trouxe resultados importantes através de pesquisas focadas em temas como previsão eólica e tendências climatológicas. Trata-se de um investimento fundamental para a evolução da empresa no que diz respeito a garantia de eficiência operacional, maior qualidade de serviços e processos.  

“Precisamos monitorar o clima e entender suas variações para observar como isso afeta o desempenho dos nossos projetos e, desta forma, procurar ter uma melhor previsão da nossa geração”,  afirma o gerente de Ativos e P&D da Atlantic, Eduardo Dias.

As novas descobertas são essenciais para a evolução do setor eólico e, principalmente, para a Atlantic. Os resultados são diretamente aplicados nos empreendimentos da empresa, que constantemente disponibiliza seus dados e tem participação ativa nas análises e investigações. Mais uma vez a empresa se apresenta como lançadora de tendências no mercado de energia renovável.

Confira o infográfico com análises levantadas:

parques eolicos