23/06/2020

GRUPO CGN une forças com o Brasil para expandir mercado de energia renovável

Aquisições tornam empresa a quinta maior produtora de energia limpa do país



Continuando com a sua estratégia de desenvolvimento internacional, a CGN Energy International Holdings (CGNEI) do Grupo CGN, empresa com atuação mundial no mercado de energia, adquiriu a Atlantic Energias Renováveis ​​S.A, que pertencia à Actis, gestora britânica de fundos de private equity, além de três ativos operacionais anteriormente pertencentes a companhia  italiana Enel Green Power.

Mediante a aquisição, a companhia renomeada CGNBE assumiu 100% os negócios da Atlantic que possui 642 MW em potência instalada por meio de projetos eólicos nos estados do Piauí, Rio Grande do Norte, Bahia e Rio Grande do Sul. Os ativos adquiridos da Enel Green Power, consistem em três plantas renováveis localizadas no nordeste do Brasil, que abrangem duas usinas de energia solar e uma de energia eólica, totalizando 540 MW de capacidade instalada.

Com as aquisições, a CGNBE passou a ser a quinta maior produtora de energia limpa na America Latina, de acordo com a BloombergNEF (BNEF). Sendo a única entidade operacional da CGN Energy International no Brasil, a CGNBE segue firme e obstinada em sua missão de, a partir dos negócios brasileiros, ampliar o mercado de energia limpa para os países vizinhos e, eventualmente, cobrir toda a América do Sul.

No início de maio, a CGNBE conquistou uma autorização do Ministério de Minas e Energia (MME) para implantar nove novas centrais eólicas. Juntas, formarão o Complexo Eólico Tanque Novo, localizado entre os municípios de Tanque Novo e Caetité, na Bahia, e a segunda fase do Complexo Eólico Lagoa do Barro, localizado no estado do Piauí, nos municípios de Queimada Nova e Lagoa do Barro. O investimento previsto nos dois empreendimentos é de R$ 1,5 bilhão.

Desde 2010, o Grupo CGN tem investido no mercado de energia renovável. Hoje, os projetos da CGNEI, plataforma global para o desenvolvimento de energia limpa do grupo, estão espalhados por 17 países e 6 continentes. As iniciativas gerenciadas pela CGNEI contam com a participação de mercado no Sudeste Asiático, Egito, Bangladesh, França, Coréia do Sul, Brasil e outros países.

No final de março de 2020, a CGNEI possuía 46 projetos globais de participação com uma capacidade instalada total de 13,64 GW, dos quais 10,64 GW estão em operação e 3 GW em construção.

Nossos avanços mostram que estamos no caminho certo. E nada disso seria possível sem o suporte e parceria de todos fornecedores e clientes. Por isso, expressamos os nossos mais sinceros agradecimentos, reforçando o compromisso com o desenvolvimento de energia limpa em prol da sociedade, priorizando segurança, qualidade e excelência.

Vamos fazer a coisa certa de uma só vez.